Veja o conteúdo completo em Como Gerar SPED ECF no Calima 5?

Fique atento às configurações a seguir que são obrigatórias na geração da sua ECF!

Observações Iniciais

Caso o CNAE da empresa esteja em branco será informado 0000 na geração do arquivo.
Caso a empresa seja optante pelo Lucro Real, com apuração mensal 'Balanço ou Balancete', o Validador obriga a fazer o fechamento mês a mês (e não só no final do ano). Este fechamento se trata do Encerramento das Contas de Resultado. O processo de Encerrar as Contas é o mesmo independentemente do período (uma vez por ano, mês a mês ou trimestralmente).

Cadastro da Empresa

Inicialmente, na empresa corrente desejada você deverá configurar corretamente os seguintes campos no Módulo Principal:

Informe o CNAE, a Tributação, a Natureza Jurídica e a Qualificação da PJ. Clique para editar a empresa desejada e preencha os campos informados nas abas “Dados Complementares” e “Registro da Empresa”. Observe o exemplo abaixo!



Para gerar ECF de Matriz e Filiais, o Grupo do Plano de Contas deve ser o mesmo para todas elas. Acesse e confira essa informação no Módulo Principal em Manutenção → Configurações → Grupo de Empresas. Se a Matriz usar um Plano de Contas x, todas as Filiais devem utilizar o mesmo!




As configurações da ECF devem ser feitas somente na Matriz! Se a empresa corrente for uma Filial, informe sua Matriz nos “Dados Complementares” dentro do cadastro da empresa. Se a empresa em questão for a própria Matriz, marque a opção “Centralizar na Matriz (empresa corrente) dados das Filiais”.

Se a empresa for a Matriz

Se a empresa for uma Filial

Automatização

É uma ferramenta que, ao cadastrar uma nova empresa no Calima, no momento de salvá-la, o sistema sugere para você diversas configurações automatizadas para todos os módulos, a depender do tipo de empresa que você selecionou e da tributação dela.
Por enquanto, o recurso está disponível para empresas do Simples Nacional, Lucro Real, Lucro Presumido, Imunes e Isentas do IRPJ. Vale lembrar que essa opção só aparece uma vez: no momento de salvar sua nova empresa no Calima! Caso recuse, o sistema não irá mais sugerir a automatização para aquela empresa.

Algumas dessas configurações automatizadas te ajudam na geração da ECF. Com a confirmação da Automatização de Cadastro da Empresa, já são geradas no seu sistema a configuração do Grupo do Plano de Contas, o próprio Plano de Contas, Históricos, a DRE e a Referenciação das Contas. Vale lembrar que, mesmo padronizadas, todas essas configurações podem ser alteradas caso você ainda precise!
Vale ressaltar que as configurações automáticas não substituem a importância e o dever da conferência por parte do contador referente às alíquotas e aos valores gerados como padrão, devido a natureza e particularidades inerentes a cada empresa.



Grupo do Plano de Contas

Devemos fazer duas configurações no Grupo do Plano de Contas: A Instituição e o Plano Referencial.

Acesse no Módulo Contábil: Manutenção → Grupos → Plano de Contas. Localize o grupo da empresa desejada e clique em alterar. Na aba SPED, informe no primeiro campo a Instituição da Receita Federal (o Plano de Contas Referencial) que você quer trabalhar (L, P ou U).

Em “Plano de Contas Referencial”, há duas opções (O Próprio ou De-Para). “De-Para” é o mais utilizado e nele seu Plano de Contas é ligado a um Plano de Contas da Receita (ou seja o processo de Referenciar as Contas). “O Próprio” é quando você trabalha com o próprio Plano de Contas da Receita sendo o Plano da sua empresa. Marque a opção que você deseja utilizar! Veja o exemplo a seguir:



Plano de Contas

Formado pelo Ativo, Passivo, Receita e Despesa, você pode encontrar essas informações do seu Plano de Contas em Manutenção → Grupos → Plano de Contas → Escolha a empresa desejada e observe a aba "Conta". Vale lembrar que você pode alterar essas configurações a qualquer momento e deixá-las da maneira que preferir! Para saber como cadastrar um Plano de Contas no Calima, CLIQUE AQUI.



Hierarquia

A hierarquia do Plano de Contas é muito importante e, se não for respeitada, gera um dos principais erros e inconsistências na geração da ECF e dentro do Validador SPED. Fique atento a essa questão!
Contas Analíticas devem ter no mínimo quatro níveis. Esse padrão deve ser aplicado para todo o Plano de Contas! Se você optar por cinco, seis ou oito níveis, por exemplo, seu Plano deve manter o mesmo padrão até o fim. Observe a hierarquia no exemplo abaixo!



Máscara no Plano de Contas

Esse artigo foi útil?
Cancelar
Obrigado!